Create your survey with SurveyMonkey

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Paulo Souto vai a primeiro “palanque” em Salvador.

Souto e a baiana: símbolo de candidatura ao governo
“Eu particularmente me inspiro em Paulo Souto para governar Salvador”, revelou o prefeito ACM Neto, durante discurso na reinauguração do Plano Inclinado Gonçalves, nesta quarta-feira (05). Pela primeira vez presente em ato da Prefeitura, o ex-governador foi o destaque na cerimônia de reativação do tradicional ascensor público. A cada citação de seu nome os aplausos eram gerais.

O discurso do prefeito ACM Neto selou a importância da presença de Paulo Souto no evento: “O ex-governador Paulo Souto fez muito pela Bahia e tem ajudado muito meu governo, uma contribuição silenciosa e inestimável. Neste momento, ele colabora na construção de um programa social de vanguarda que estamos desenvolvendo em parceria com o Banco Mundial. Eu particularmente me inspiro nele para governar Salvador”.

O secretário José Carlos Aleluia e o prefeito ACM Neto insistiram para ele subir ao palanque, de onde seriam feitos os discursos na reinauguração do Plano Inclinado Gonçalves. Mas, no seu estilo reservado e discreto, Paulo Souto recusou o convite. Num gesto de cordialidade, aproximou-se apenas para cumprimentar os anfitriões e os demais que lotavam o palco improvisado para a cerimônia.

Voltou à plateia e acabou sendo o destaque da volta à atividade do “Chariot”, como ele lembrou que era chamado o Plano Inclinado Gonçalves a um jornalista ao seu lado, mencionando ainda que o antigo nome é citado na canção “Bahia com H”, um belo elogio musical do compositor paulista Denis Brian à Terra de Todos os Santos. Autor do convite ao ex-governador para ir à reinauguração, Aleluia foi o primeiro a destacar a presença de Paulo Souto, durante o seu pronunciamento.

Houve palmas e até gritos: “É o nosso governador”, “Já ganhou”. Alguns se aproximavam de Souto e o cumprimentavam com efusão. Do seu jeito, ele reagia com uma alegria contida. Quando da conclusão da fala de ACM Neto alusiva a Paulo Souto, a aclamação foi geral. Os aplausos ecoaram na Praça da Sé. Os gritos de “já ganhou”, “é o governador” ganharam intensidade.

Souto reagiu bem. Seu semblante era de felicidade. Cochichou algo no ouvido de um assessor, mas logo voltou a cumprimentar os populares que o rodearam. Quando chamado pelos anfitriões para acompanhá-los na viagem de reinauguração do “Chariot”, dessa vez, ele aceitou o convite. Ao voltar, foi lacônico quando a imprensa lhe perguntou sobre a candidatura ao governo. “Essa questão cabe aos partidos que formam a aliança oposicionista sob a coordenação do prefeito ACM Neto”.

Téo Maia Filho


http://4.bp.blogspot.com/-0gMJZThMRyE/UdP6il8sqWI/AAAAAAAADsw/D3RVNhMCSfw/s691/BARRA2.gif

Nenhum comentário: