Create your survey with SurveyMonkey

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Filadélfia: Governo da reconstrução e secretaria de educação congela o avanço na diferença de nível dos professores municipais.

Quando o plano de cargos e salário do magistério de Filadélfia entrou em vigor (2010), já de forma desproporcional e tendenciosa foi colocada a diferença de 10% na diferença do professor nível I para o professor nível II, e 18% do professor nível II para nível III, em 2012 com o cumprimento do piso Nacional do magistério o prefeito, de forma impositiva, não acompanhou o percentual linear a todos os níveis, passando o professor de nível II receber apenas 6,4% acima do professor nível I.

Através de reivindicação e luta do sindicato, nos anos de 2013, 2014, 2015 e 2016, conseguimos o avanço de aproximadamente 12%, média de 3% ao ano.

Já agora em 2017, o prefeito e o secretário educação, sem nenhuma justificativa. fecha as negociações e nega qualquer percentual de reajuste na diferença de nível do professores.

Essa é mais uma atitude de desvalorização profissional. Fonte: Facebook do Sindicato.

Nenhum comentário: