POSTAGENS RECENTES

Jaguarari: Justiça determina suspensão de julgamento que poderia cassar prefeito.

Foi suspenso o julgamento que poderia afastar definitivamente o prefeito de Jaguarari,  Everton Carvalho Rocha (PSDB), do cargo. A juíza Geysa Rocha, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), deferiu o pedido de liminar e frustrou a realização do julgamento que estava marcado para esta quinta-feira (29). Pelo entendimento da juíza, o processo, que pode ter como desfecho a cassação de um mandato eletivo, deve ter todas as suas irregularidades analisadas. A defesa de Everton Rocha alega que o prefeito não foi intimado para acompanhar as últimas reuniões do seu julgamento, realizadas no início do mês. O ato, que prejudicaria o andamento do processo, uma vez que o denunciado não teve tempo hábil para intimar testemunhas. De acordo com a denúncia, divulgada pelo portal Jaguarari Online, Everton utilizou os serviços da empresa ADM Sistemas sem contrato formal (saiba mais aqui). O caso se arrasta desde o fim do ano passado e já teve decisão suspensa após os vereadores que cuidam do processo na Câmara ignorarem uma testemunha de defesa. BN 

Nenhum comentário