Postagens Recentes

Homem mata companheira por asfixia e simula suicídio

Uma investigação da Polícia Civil da Bahia concluiu que a morte de uma mulher tida como suicídio, na verdade, foi decorrente de mais um caso de feminicídio. O marido da vítima, identificada como Cíntia Maria dos Santos, teria tentado simular o suicídio após matá-la por asfixia.

O crime ocorreu na cidade de Paulo Afonso (a 469, 5 km de Salvador), no dia 10 de novembro. O corpo de Cíntia Maria foi encontrado por volta das 21h dentro da sua casa, no condomínio Beira Rio, localizado no bairro Moxotó, com sinais de enforcamento.

Conforme a polícia, a perícia confirmou que o companheiro de Cíntia a matou e simulou um suicídio, ao descaracterizar o ambiente. O homem, que teve apenas as iniciais do nome divulgadas (C. A. dos S) e possui mandado de prisão temporária em aberto, foi alvo de uma operação de busca e apreensão na última terça-feira, 22, mas segue foragido.

No entanto, a ação deflagrada em Paulo Afonso, pela Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam), resultou na prisão em flagrante de dois homens por importunação sexual e estupro de vulnerável. A dupla está à disposição do Poder Judiciário.

Os crimes cometidos por eles não têm relação com a morte de Cintia Maria. A Polícia segue em busca de C. A. dos S, suspeito do feminicídio.


Fonte: A Tarde

Nenhum comentário