POSTAGENS RECENTE

Filadélfia: Sem valorização, professores e outras categorias de Servidores farão paralisação de 24 horas no próximo dia 02 de Maio de 2018.


Os professores da rede municipal de ensino de Filadélfia Bahia juntamente com os demais servidores de nível superior, representados pelo SISEF, fazem uma paralisação de advertência por 24 horas no próximo dia 02 de Maio de 2018 (quarta feira). A categoria não descarta entrar em greve por tempo indeterminado, caso a administração não atenda as reivindicações.

Segundo informações do diretor do Sisef, Valmir Dantas, os professores vem sofrendo prejuízos desde 2017, quando a atual administração congelou o avanço na diferença de nível dos professores de acordo com a formação de cada profissional, já neste ano de 2018, a situação piorou, pois além de congelar o avanço para regulamentação na diferença de nível, o administração municipal está negando até mesmo de fazer o reajuste de 6,81% de acordo com a Lei 11.738, de 2018, regulamentada o valor através da portaria nº 1.595 de 8 de Dezembro de 2017.

Segundo informações do Sindicato, desde Janeiro que vem fazendo reunião com o Prefeito Municipal e o Secretario de Educação, mas, não tem obtido sucesso nessa pauta, o Sisef informa ainda que desde 2013 essa é a primeira vez que o município se nega a atualizar o reajuste dos professores  no mesmo percentual da atualização do Governo Federal, que vale ressaltar que foi a menor desde a criação do Piso Nacional do Magistério. 

Ainda segundo o diretor do Sisef a previsão do recurso do FUNDEB para 2018 terá um aumento significativo referente a 2017, por esse motivo não entende porque a administração nega a fazer o reajuste linear no valor de 6,81% para todos os Professores da Educação Básica. 



Nenhum comentário